Plano de recuperação do Chiado publicado em livro

O  plano de recuperação urbanístico e arquitetónico do Chiado (Lisboa), depois do incêndio de 1988, assinado pelo arquiteto Álvaro Siza Vieira, foi publicado em livro, com o título “Chiado em Detalhe”, foi hoje anunciado.

O livro, editado pela Babel, apresenta uma entrevista com Álvaro Siza Vieira e toda a documentação técnica, alguma dela inédita, sobre o plano de recuperação da zona do Chiado, que ardeu a 25 de agosto de 1988, há quase 25 anos.

A obra, pensada para ser também uma ferramenta de trabalho na área da arquitetura, inclui pormenores sobre os exteriores de vários edifícios, incluindo os emblemáticos Armazéns do Chiado e o Edifício Grandella, pátios e terraços.

“Chiado em Detalhe” inclui ainda testemunhos do presidente da Câmara Municipal de Lisboa, António Costa, e do arquiteto Gonçalo Byrne, e será apresentado no dia 25, na Galeria Chiado 8, no largo do Chiado, onde será inaugurada uma exposição relativa ao livro.

A sessão contará com António Costa, Álvaro Siza Vieira, Manuel Salgado, arquiteto e vice-presidente da autarquia, e Paulo Teixeira Pinto, administrador da Babel.

O incêndio do Chiado aconteceu a 25 de agosto de 1988, destruindo edifícios comerciais históricos como os Armazéns Grandella, os Grandes Armazéns do Chiado, a Pastelaria Ferrari e a Editora Valentim de Carvalho, os armazéns Eduardo Martins e lojas como o Novo Figurino ou a Antiga Casa José Alexandre. (…)

http://www.pportodosmuseus.pt/?p=81181&utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+pportodosmuseus%2FrxgW+%28pportodosmuseus%29


Comments are disabled.

%d bloggers like this: