SILVES – OBRAS DE CONSERVAÇÃO E RESTAURO DOS ESTUQUES DA CÚPULA DOS PAÇOS DO CONCELHO ESTÃO VISITÁVEIS A 19 DE NOVEMBRO

tela_1-intervencao-cupula-cmsA intervenção ao nível da conservação e restauro dos estuques localizados na cúpula do edifício dos Paços do Concelho de Silves poderá ser visitada no próximo dia 19 de novembro.

As visitas serão abertas ao público em geral e realizam-se das 9h00 às 10h30 (1.ª visita) e das 11h00 às 12h30 (2.ª visita). Cada visita é limitada a 10 participantes, com idade superior a 14 anos, devendo os participantes trazer calçado fechado e vestuário adequado e confortável (ténis, ou equivalente, e calças). A participação é gratuita mas sujeita a inscrição prévia obrigatória aqui.

http://www.cm-silves.pt/pt/noticias/2437/obras-de-conservacao-e-restauro-dos-estuques-da-cupula-dos-pacos-do-concelho-estao-visitaveis-a-18-e-19-de-novembro.aspx

Ou diretamente para conservacaoerestauro@cm-silves.pt  ou 282 440 854 com indicação da hora de visita e contacto telefónico.

Alerta-se para o facto da estrutura de acesso ao espaço ser de dimensões limitadas, para além dos pontos de acesso aos diferentes níveis da intervenção serem efetuados através de escada metálica para andaime, pelo que o acesso só poderá ser efetuado por pessoas que apresentem boa condição para o efeito.

Relembramos que a intervenção teve início no passado dia 17 de outubro e pretende consolidar todas as zonas do conjunto decorativo da cúpula de inspiração mudéjar/mourisca e, simultaneamente, preservar um trabalho executado aquando da construção do espaço, em finais do século XIX (a partir de 1884), início do século XX, segundo projeto de Gregório Nunes Mascarenhas, executado pelo Mestre João Vitorino Mealha. O trabalho de preservação dos estuques propriamente dito está a ser executado por técnicas do Sector de Conservação e Restauro da autarquia e terminará, previsivelmente, no dia 30 de novembro.


Palestra “O restauro das esculturas da Sé de Silves” 21.10.2016

palestra-restauro

Uma Palestra intitulada «Restauro das Esculturas da Sé de Silves» apresentada por Ana Mascarenhas, Conservadora Restauradora, será o ponto central das comemorações do Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja a realizar em Silves, no dia 21 de outubro, pelas 18h00, no Salão Paroquial de Silves. Esta iniciativa é uma parceria entre a Câmara Municipal de Silves (CMS), o Secretariado Nacional dos Bens Culturais da Igreja e a Paróquia de N. Sra. da Conceição de Silves.

Ana Mascarenhas, técnica da CMS, exporá o trabalho desenvolvido aquando do restauro da imaginária da Catedral de Silves, realizado por si enquanto aluna da Escola Superior de Tecnologia de Tomar (Curso de Conservação e Restauro).

A Introdução a esta sessão será feita pelo Padre Carlos de Aquino, coordenador do Sector da Pastoral da Cultura, Património e dos Bens Culturais da Diocese do Algarve e a contextualização do trabalho e dos objetivos que se pretendeu atingir com o mesmo estará a cargo de Luís Santos, representante da Paróquia de Silves.

Esta atividade insere-se nas comemorações nacionais do Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja, cujo tema, este ano, é «(Re)ver a Arte Cristã». Esta data é comemorada desde 2011, a 18 de outubro, dia de S. Lucas, padroeiro dos artistas e visa promover a reflexão e partilha do trabalho desenvolvido no contexto das dioceses portuguesas, mas também debater novas propostas de atuação, avaliar dificuldades e identificar os principais desafios a enfrentar. A CMS e a Paróquia de N. Sra. da Conceição de Silves associam-se a esta efeméride.

A entrada é livre.

Fonte: http://www.cm-silves.pt/pt/noticias/2367/a-21-de-outubro—municipio-de-silves-paroquia-e-secretariado-nacional-dos-bens-culturais-da-igreja-assinalam-dia-nacional-dos-bens-culturais-da-igreja.aspx


Município de Silves inicia trabalhos de conservação e restauro nos Paços do Concelho

 

dsc_0684

Os trabalhos iniciam-se já neste mês de Outubro. Numa primeira fase com a montagem de andaime adequado pela empresa Soandaimes, iniciando-se de seguida a intervenção, a cargo do Serviço de Conservação e Restauro da Divisão de Cultura, Turismo e Património daquele Município.

A intervenção deverá estar concluída até 30 de Novembro e o seu objetivo principal é a estabilização material, sendo desenvolvidos alguns procedimentos que se prendem com questões de ordem estética. Assim, as principais fases de tratamento são: limpeza mecânica do estuque, consolidação e fixação, a reconstituição  de elementos decorativos e preenchimentos de lacunas de suporte.

Pretende-se que a autenticidade, historicidade e princípio da intervenção mínima sejam respeitados em qualquer fase de tratamento, mantendo as marcas do tempo e devolvendo uma melhor leitura estética à obra. Os princípios de reconhecimento, reversibilidade e compatibilidade durante a intervenção são outras das premissas a seguir.

O risco eminente de destacamento de determinadas zonas do conjunto, a segurança de pessoas e a preocupação generalizada da comunidade municipal face ao aspeto de degradação de áreas concretas, são factores que contribuir para aquele Município intervir num dos espaços públicos mais utilizado no concelho, infelizmente ainda por classificar. Relembre-se que aquele edifício histórico foi afectado em 2012 pelo tornado que arrasou várias cidades do Algarve, tendo na altura recebido algumas obras de beneficiação após os danos causados.

Mais informações em http://www.cm-silves.pt/pt/noticias/2362/a-17-de-outubro—obras-de-conservacao-e-restauro-dos-estuques-da-cupula-dos-pacos-do-concelho-iniciam.aspx

 

 


JEP 2016 – Município de Silves divulga trabalhos de conservação e restauro que decorrem no Castelo daquela cidade

cartaz-jep2016silvesO Município de Silves insere este ano nas comemorações das Jornadas Europeias do Património 2016, uma actividade que procura divulgar os trabalhos de conservação e restauro desenvolvidos nas estruturas do palácio almóada sitas no Castelo de Silves. A actividade que decorrerá ás 10h00 e às 15h00, intitula-se “Conservando Culturas Passadas” e insere-se no tema nacional “Comunidades e Culturas”, tendo como público alvo escolas e visitantes em geral.

Trata-se de uma actividade promovida pelos Serviços de Património Cultural e Conservação e Restauro, da Divisão de Cultura, Turismo e Património do Município de Silves, que objetiva dar a conhecer os trabalhos desenvolvidos naquela zona do Castelo, que decorrem desde Outubro de 2014. A intervenção em causa, autorizada pela tutela (DGPC), tem procurado recuperar zonas amplamente degradadas pelas intempéries, através de diversas técnicas de conservação e restauro (consolidações, preenchimentos, capeamentos, entre outros), sendo da responsabilidade do Serviço de Conservação e Restauro daquele município.

 


Município de Albufeira e Silves colaboram em ação de conservação

20160826_162346A colaboração decorreu entre os passados dias 24 de Agosto e 2 de Setembro, no âmbito da escavação arqueológica que decorreu no sector do sul das estruturas do palácio almóada, localizadas no Castelo de Silves. A intervenção arqueológica foi da responsabilidade científica da Dra. Rosa Varela Gomes da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) da Universidade Nova de Lisboa. Nesse âmbito, a ação de conservação teve por objetivo auxiliar na remoção dos vestígios de estuque exumados, sendo da responsabilidade científica do Dr. Pedro Gago, Conservador Restaurador do Município de Albufeira, com reconhecida experiência. Nestes trabalhos colaboraram ainda técnicas de conservação e restauro do Município de Silves.

Fotografias Sul Informaçãoescavacoes-arqueologicas_castelo-silves_er_02

escavacoes-arqueologicas_castelo-silves_er_06

Fotografias Município de Silves

 

Mais notícias sobre a escavação arqueológica podem ser consultadas em:

Arqueólogos investigam estuques do milenar Palácio das Varandas do Castelo de Silves

http://www.jornaldemonchique.pt/index.php/2016/08/23/castelo-de-silves-alvo-de-intervencao-arqueologica-a-partir-de-hoje/

Intervenção arqueológica no “Palácio das Varandas”, em Silves

 

 

 

 

 

 


Museu Nacional do Azulejo e DGPC promovem workshop: INTERVENÇÃO EM FACHADAS AZULEJARES

 

Azulejos programa.jpgazulejos.jpg

Mais informações em http://www.patrimoniocultural.pt/pt/agenda/courses/workshop-intervencao-em-fachadas-azulejares/

 


RMA promove formação: CONSERVAÇÃO PREVENTIVA DE DOCUMENTOS GRÁFICOS

FORMAÇÃO DE PAPEL rma
A formação é uma iniciativa da Rede de Museus do Algarve, através do seu grupo de trabalho de Conservação e Restauro e conta com a parceria da Rede de Arquivos do Algarve e do Museu de Loulé. O objetivo é colmatar algumas carências sentidas pelos colaboradores dos arquivos municipais inseridos na Rede de Arquivos do Algarve, com vista à salvaguarda dos seus acervos.
As inscrições são gratuitas mas obrigatórias através de e-mail.
Mais informações podem ser obtidas por email avazaest@cm-loule.pt ou telefone 289 400 875. Programa e ficha de inscrição em anexo.

Palestra “Ciência e a Tecnologia ao Serviço da Conservação e Restauro” – Museu de Tavira 28.11.2015

Palestra CRInserida na “Semana da Ciência e da Tecnologia” organizada pelo Município de Tavira, terá lugar no próximo dia 28/11/2015 a palestra intitulada “Ciência e a Tecnologia ao Serviço da Conservação e Restauro”. A palestra decorrerá no Museu Municipal de Tavira, situado no Palácio da Galeria pelas 10h30 e terá a duração de duas horas. Contará  com o Dr. Jorge Pereira (médico radiologista) e Leonor Esteban (conservadora-restauradora do Município de Tavira) como oradores. As inscrições são gratuitas mas obrigatórias, estando limitadas a 20 participantes.

Ficha de inscrição aqui: 151128


Formação sobre” Conservação de Estruturas Arqueológicas” em Silves, decorreu com sucesso

A formação que decorreu em Silves, entre os dias 5 e 8 de Outubro, promovida pela Rede de Museus do Algarve (RMA) decorreu com sucesso. A procura por técnicos da área ultrapassou o limite das 10 inscrições estipuladas e o grupo responsável pela formação, pondera vir a realizar no futuro outra edição.

A componente teórica da acção deve lugar na Biblioteca Municipal de Silves e a prática nos vestígios arqueológicos islâmicos situados no interior do Castelo daquela cidade. A acção contou com o apoio dos Municípios de Silves e Albufeira. Organizada pelo grupo de trabalho de Conservação e Restauro da RMA, teve como formadores o Dr. Pedro Gago (Conservação e Restauro) e  o Dr. Celso Simões (Higiene e Segurança no Trabalho), técnicos superiores do Município de Albufeira.

A ação inseriu-se no âmbito da intervenção iniciada em outubro de 2014 pelo Serviço de Conservação e Restauro (Oficina de Restauro) da Divisão de Cultura, Turismo e Património do Município de Silves. Trata-se de uma intervenção de conservação e restauro dos vestígios arqueológicos islâmicos situados no interior do Castelo que datam do século XII/XIII e que há vários anos aguardavam tratamento. Esta iniciativa, aprovada pela Direção Geral do Património Cultural, surge no âmbito da política de salvaguarda do património histórico que aquele município tem procurado desenvolver.20151008_144705

20151008_145019

20151006_143239

20151006_144032

20151006_143239

20151006_153339

20151006_153957

20151006_160116

20151006_160314

20151006_160405

20151006_160421

20151007_095422

20151007_105117

P1460655


RMA promove formação “Conservação de Estruturas Arqueológicas no Castelo de Silves – De 5 a 8/10/2015

Formação RMA-imagem

A Rede de Museus do Algarve (RMA) através do seu Grupo de Trabalho de Conservação e Restauro, promoverá entre 5 e 8 de Outubro próximo, uma formação sobre “Conservação de Estruturas Arqueológicas” que se realizará sobre os vestígios muçulmanos situados no interior do Castelo de Silves. A acção, que conta com o apoio da Direcção Regional de Cultura do Algarve, do Município de Silves e do Município de Albufeira, será orientada pelo Dr. Pedro Gago, técnico superior de conservação e restauro do Museu Municipal de Albufeira

A formação será composta por módulos teóricos articulados com prática simulada.

A inscrição é gratuita mas obrigatória e limitada a 10 participantes.

(Preferencialmente técnicos de conservação e restauro que integram os museus da Rede de Museus do Algarve)

Inscrições através de email: cr.rmalgarve@gmail.com

Esclarecimentos por email ou telefone (938510093).

Mais informações aqui:

Programa

Ficha de inscrição a remeter por email


%d bloggers like this: